O presidente do Tribunal de Contas da União, ministro Augusto Nardes, abriu ontem (15) o primeiro evento do Projeto Diálogo Público 2013 que teve como tema principal “Governança de pessoal: aperfeiçoando o desempenho da administração pública”. O evento, com 700 participantes, lotou o Plenário Ministro Arnaldo Süssekind, no Tribunal Superior Trabalho, e teve como público-alvo membros da alta administração e gestores de pessoal e de auditoria das instituições federais que serão avaliadas pelo TCU no levantamento de governança de pessoal.

Nardes frisou a necessidade de uma boa governança: “O desperdício dos recursos públicos do País continua acontecendo e para acabar com isso, precisamos de uma boa governança”. Ele ainda destacou a importância das pessoas que trabalham nas instituições: “A maior riqueza de uma nação, são as pessoas”.

O ministro-substituto do TCU Marcos Bemquerer Costa deu início às palestras com o tema “Governança aplicada à gestão de pessoas”. Ele explicou a diferença entre governança e gestão e frisou: “Transparência, integridade e prestação de contas são princípios que norteiam as boas práticas de governança”.

O coordenador-geral de Controle Externo dos Serviços Essenciais ao Estado e das Regiões Sul e Centro-Oeste do TCU, Cláudio Souza Castello Branco, apresentou a avaliação da governança em TI. Ele explicou que a tecnologia da informação é a base de quase todas as atividades desempenhadas nas instituições e que levantamentos nessa área são de suma importância. Segundo ele, para dar certo, são necessários planos, processos e pessoas: “Como auditores, não buscamos penalizar os fiscalizados e, sim, melhorar os processos”.

O secretário de Fiscalização de Pessoal do TCU, Alessandro Giuberti Laranja, falou sobre os aspectos gerais do levantamento de governança de pessoal. Segundo ele, as pessoas e o planejamento estratégico da governança são fundamentais: “É importante termos pessoas empenhadas e motivadas”. O auditor federal de controle externo Fabiano Nijelschi Guercio Fernandes (Sefip) expôs o tema “instrumento de avaliação da governança de pessoal” e explicou a criação do modelo de avaliação que está sendo utilizado no levantamento sobre governança de pessoal e solicitou a participação dos gestores presentes.

O evento também foi palco para o lançamento do Boletim de Pessoal, projeto da Secretaria das Sessões (Seses/TCU). A ferramenta foi criada para auxiliar a transparência dos processos e facilitar a leitura e o entendimento dos interessados. Guilherme Barbosa Netto, diretor de Normas e Jurisprudência da Seses, informou que o boletim está disponível na página do TCU na internet, no ícone Jurisprudência, Boletim de Pessoal.

Diálogo Público – O Projeto Diálogo Público terá como tema principal nesta edição a melhoria da governança pública. As conversas ocorrerão em diversas cidades brasileiras com prefeitos e gestores de unidades jurisdicionadas do TCU. O objetivo de cada encontro é apresentar os conceitos da governança para o aprimoramento da gestão e tratar de temas como licitações e contratos, convênios, obras e controle interno. Fora de Brasília, o primeiro evento será realizado no dia 28 de maio, em Porto Alegre. Estão previstos, ainda neste ano, encontros em Belém, Salvador, Fortaleza, Belo Horizonte e São Paulo.

Siga o TCU no Twiter: twitter.com/tcuoficial.

Para reclamações sobre uso irregular de recursos públicos federais, entre em contato com a Ouvidoria do TCU, clique aqui ou ligue para 0800-6441500.

Continue at source: 

Evento discute a governança de pessoal e o aperfeiçoamento do desempenho da administração pública