Curso | COSO – Gestão de Riscos Corporativos e Controles Internos

Realizamos uma dinâmica que cobre da Análise ao Monitoramento dos Riscos

A CompanyWeb é uma empresas precursora sobre o tema GRC (Governança, Risco e Conformidade) no Brasil. Com o know-how de anos no mercado, desenvolvemos um roteiro, um ‘roadmap’ prático para aplicarmos todo o CUBO do COSO. De maneira lúdica utilizamos uma ferramenta para gerar a experiência, a vivência prática do profissional que ficará responsável pelo o ciclo de vida da Gestão do Risco, inclusive o monitoramento dos riscos e controles internos;

Objetivo

  • O curso tem a finalidade de preparar os profissionais para trabalharem com Gestão de Riscos Corporativos;
  • O conteúdo é baseado no guia/framework de  Melhores Práticas: COSO (Committee of Sponsoring Organizations of the Treadway Commission);
  • As dinâmicas que realizamos permitem que os conceitos se consolidem mais rápido e de maneira leve.

 

MÓDULO 1 – Fundamentos

Contextualização sobre Riscos;
Riscos e seus impactos na sociedade;
Velho e novo paradigma sobre Riscos;
Governança & Riscos;
Limitação da gestão de riscos corporativos (conluio, julgamento humano, relação custo e benefício e outros).

MÓDULO 2 – Visão Prática e Simples sobre Risco x Gestão

Visão pragmática e simplificada sobre Gestão de Riscos Corporativos;
Probabilidade x Impacto;
Monitoramento dos Riscos e Mudanças de Cenários.

MÓDULO 3 – COSO

Breve história sobre o COSO;
O cubo do COSO: Categorias, divisões organizacionais e componentes;
Ambiente de Controle;
Identificação de Eventos;
Avaliação de Riscos;
Resposta aos Riscos;
Atividades de Controle;
Informação e Comunicação;
Monitoramento;
Funções e Responsabilidades.

MÓDULO 4 – Matriz de Riscos

Origem dos eventos (interno/externo);
Natureza dos riscos.

MÓDULO 5 – Sistema de Gerenciamento de Riscos

Processo do Gerenciamento de Riscos Corporativos (identificar; avaliar; responder; institucionalização dos controles; monitoramento).

MÓDULO 6 – Identificação de Riscos | Processos de Negócios

Guia para identificar riscos em processos de negócios com mapa mental e planilha excel;
Maturidade dos processos de negócios x Exposição aos riscos.

MÓDULO 7 – Componentes da Gestão de Riscos

Detalhamentos dos componentes dos riscos segundo o COSO.

MÓDULO 8 – Controle Interno

Definição;
Exemplos;
Materialidade do controle;
Indicadores x Monitoramento.

MÓDULO 9 – Funções e Responsabilidades

Principais funções e responsabilidades na estrutura do Gerenciamento de Riscos.

MÓDULO 10 – Estratégia de Implementação

Estabelecimento do Gerenciamento de Riscos Corporativos;
Cultura do Gerenciamento de Riscos Corporativos;
Planejamento a partir da Arquitetura de Implementação do Gestão de Riscos Corporativos;
Processos Críticos para o Gestão de Riscos Corporativos;
Governança de Gerenciamento de Riscos;
Organização e Pessoas;
Sistemas de Controle;
Comunicação;
Operação (Melhoria continua; Teste Controles Internos; Monitoramento da Gestão de Riscos,

MÓDULO 11 – Os 17 princípios do COSO

1) Compromisso com a integridade e valores éticos.
2) Responsabilidade de supervisão da Administração.
3) Estrutura, autoridade e responsabilidade.
4) Compromisso com a competência.
5) Responsabilidade dos colaboradores.
6) Objetivos adequados e relevantes.
7) Identificação e análise dos riscos.
8) Avaliação do risco de fraudes.
9) Identificação e análise das mudanças significativas.
10) Seleção e desenvolvimento de atividades de controle.
11) Seleção e desenvolvimento de controles relacionados à TI.
12) Implementação por meio de políticas e procedimentos.
13) Utilização de informações relevantes.
14) Comunicação Interna
15) Comunicação externa.
16) Monitoramento contínuo e/ou isolado das atividades.
17) Avaliação e comunicação das deficiências identificadas.

MÓDULO 12 – Dinâmica

Dinâmica para criar a Matriz de Riscos;
Com a utilização de post-its para produção da matriz riscos corporativos (versão inicial), criamos um ambiente colaborativo e intuitivo para:

  • Identificar;
  • Avaliar;
  • Responder;
  • Definir plano de ação/projeto;
  • Instituir e monitorar Controles Internos.

Uma vez definida a matriz (com os post-its), usamos um software para cadastrar e gerenciar os riscos (priorização dos riscos, plano de ação, monitoramento dos controles internos e etc).

Carga horária: 16 horas.

  • Temos agenda bimestral;
  • Cursos ‘in company’ para turma acima de 3 pessoas.

Anabb-DF
Bancorbras-DF
CTCEA-RJ
Prefeitura de Olimpia-SP
Prefeitura de São Paulo
INFRAERO-DF

Entre em Contato - COSO

11 + 5 =

PMO – exemplo de Dashboard

Um exemplo prático de um Painel de Controle para Escritório de Projetos.

KPI – Qual é o melhor indicador?

Como chegar no indicador para melhor gerenciar sua equipe e atingir os resultados esperados.

Webinar – Armadilhas em projetos ITIL

Dicas fantásticas para não cometer erros na implementação, adoção das Práticas ITIL. Assista está gravação do nosso...

ITIL – Gestão de Mudanças – visão geral

Uma visão objetiva da Gestão de Mudanças em TI com as melhores práticas ITIL.

Exemplo de Estratégia de Implementação em Projeto ITIL

Exemplo de como definir as fases com seus entregáveis em projetos ITIL.

Service Desk | Caso de Sucesso

Foco nas pessoas, nos processos, na comunicação para gerar as mudanças necessárias no seu service desk. Fazer sua equipe pensar em serviço, fazer a equipe incrementar a qualidade. Com uso das Melhora Práticas de Governança de TI como: ITIL e...

Próximas datas

Agenda 2018

Local Início Fim Formas pagtos Valor Ação
São Paulo 01/02/2018
9h00
02/02/2018
18h00
  • Boleto bancário;
  • Cartão credito;
  • Nota de Empenho
R$ 1.890,00 Inscrição
São Paulo 12/03/2018
9h00
13/03/2018
18h00
Inscrição
São Paulo 10/05/2018
9h00
11/05/2018
18h00
Inscrição
São Paulo 02/07/2018
9h00
03/07/2018
18h00
Inscrição
São Paulo 13/09/2018
9h00
14/09/2018
18h00
Inscrição